top of page

A Saga do Zagueiro Caetano

Atualizado: 15 de abr. de 2023


Olavo Guerra / Ag. Corinthians


O ano de 2023 nem tinha iniciado e o Corinthians precisou tomar algumas decisões técnicas difíceis. Renovação ou rescisão de contratos dos profissionais, atletas das divisões de base e a possibilidade de reintegração ao elenco de atletas.


O atacante Everaldo no América Mineiro e o zagueiro Caetano no Goiás tinham feito bons trabalhos na série A e consequentemente tinham grandes chances de retornar ao elenco.


O primeiro tomou novo rumo em sua carreira ficou em Minas Gerais. Já o Caetano voltou ao Timão e o "modo carreira" do jogador da base do Timão sempre me chamou a atenção pelo rumo que ele decidiu tomar em seus empréstimos para ganhar experiência.

João Victor Andrade Caetano nasceu em 1999 na cidade do Rio de Janeiro joga pelo lado esquerdo da zaga é canhoto e rápido. Essas características o colocaram no radar de muitos times do Brasil desde cedo.


O elenco do Corinthians em 2019 contava com muitos zagueiros contratados para dar mais experiência ao elenco: Henrique, Gil, Manoel, Marllon e os jovens João Vitor e Bruno Mendez não havendo espaço praticamente para Caetano jogasse naquele ano. Foi então que Caetano e Corinthians optaram pelo empréstimo do atleta para ganhar experiência , o clube escolhido foi um parceiro conhecido do Corinthians o Oeste.


Em 2019 Caetano jogou 23 jogos na série B do Brasileirão com um gol excelente média para um zagueiro jovem que normalmente comete erros que levam a suspensão facilmente. Apesar da campanha ruim do Oeste no Brasileirão B Caetano chamou a atenção do Coritiba que solicitou o empréstimo no ano de 2020 , com poucas chances no Coxa no mesmo ano voltou ao Oeste onde disputou 20 jogos.


Foto: Fabio Giannelli


Em 2021 o foco foi o Campeonato Paulista A1 e o time escolhido foi o São Caetano foram 8 jogos com 1 gol o quarto lugar no grupo D com apenas 3 pontos encurtaram a passagem do zagueiro no Azulão.


O próximo rumo seria um desafio tremendo para o zagueiro jovem da base do Timão.

O time alagoano CRB (Clube de Regatas Brasil) que tem uma torcida apaixonada que apoia o time a cada jogo. Em 2021 o time de Alagoas tinha uma agenda cheia com Copa do Brasil e a disputadíssima série B do Brasileirão onde disputou 2 jogos na Copa do Brasil e 33 Jogos no Brasileirão novamente marcando um gol na temporada.

Em 2022 o CRB caiu na fase preliminar da Copa do Nordeste e os olheiros do Goiás perceberam o potencial do zagueiro corinthiano e acertaram um novo empréstimo desta vez para disputar a série A.


O grau de dificuldade estava aumentando agora a exigência seria enorme. Os maiores atacantes brasileiros iriam testar a zaga de Caetano que contava com o goleiro Tadeu que a anos destaca pelo Esmeraldino.


No centro do Brasil foram 42 jogos disputados sendo 26 pelo Série A do Brasileirão , 5 jogos de Copa do Brasil e 11 pelo campeonato Goiano e manteve a média dos clubes anteriores com 1 gol.


Com a venda de Raul Gustavo ao Bahia e a saída do Robert Renan ao Zenit da Rússia a comissão técnica comandada por Fernando Lázaro optou pela reintegração de Caetano ao elenco profissional.


Olavo Guerra / Ag. Corinthians


Sua excelente média de minutos e consistência defensiva nos clubes e poucas lesões/suspensões juntando a velocidade de um menino de 23 anos fizeram com que Caetano voltasse ao Timão.


Pra seguir nessa jornada incrível a estreia com titularidade e vitória na Neo Química Arena 3x1

sobre o Santo André no fechamento da fase de Grupo do Paulistão 2023.


Nem sempre o caminho conhecido de formação na base do clube até o profissional é seguido a risca. E sim um empréstimo para ganhar experiência pode ser uma saída para atletas do futebol profissional!


Boa Sorte Caetano com a camisa do Corinthians e saudações Corinthianas.


Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page